Papo de Gente | “Nossos valores são o nosso alicerce.” Como a Rôgga está enfrentando o coronavírus

Na segunda edição do Papo de Gente, uma iniciativa da Light Source para valorizar práticas vinculadas à mudança de mindset, transformação, novos modelos de gestão e práticas de RH, convidamos Angela Pires, Coordenadora de Gente da Rôgga Empreendimentos, para compartilhar as medidas e soluções criadas pela empresa para enfrentar as mudanças provocadas pela pandemia do novo coronavírus.

Como a Rôgga se organizou internamente para enfrentar a pandemia?

Angela Pires

Criamos um Comitê de Risco já no dia 13 de março, quando começamos a realizar reuniões diariamente para prever o impacto que a pandemia teria em nosso negócio. Repensamos novas medidas as quais a empresa adotaria nas áreas de RH, Financeiro e produção.

À meda que os decretos de distanciamento foram publicados, também nos adequamos para promover 100% de segurança aos nossos colaboradores. O que mais ficou evidente é que nesse momento precisamos ser ágeis e flexíveis às mudanças para que a empresa tenha o menor impacto possível.

Realizamos comunicação constante esclarecendo os métodos de prevenção da COVID-19. Entregamos kits com máscaras e álcool em gel para todos os colaboradores, trocamos o ar condicionado pela ventilação natural, abrimos as cortinas e deixamos a luz do sol entrar. Assim que as obras iniciaram, adaptamos e seguimos todas as normas de segurança indicadas pela OMS e pelo Governo do Estado.

 


Quais medidas tiveram sucesso nos primeiros dias e como estão lidando com os desafios?

Diante do cenário incerto e de mudanças constantes, colocamos em prática algumas ações. Entre elas:

– mapeamento e monitoramento dos colaboradores do grupos de risco;
– check in de segurança dos colaboradores pelo aplicativo no workplace;
– trabalho em home Office;
– flexibilização dos horários;
– férias;
– uso banco de horas;
– redução da jornada de trabalho;
– reuniões por videoconferência e
– compartilhamento de treinamentos on-line, voltados para questões emocionais.

 

De que forma aspectos como cultura organizacional têm sido importantes para as lideranças e colaboradores neste período? Podes falar da tua vivência?

Parte da equipe da Rôgga

Nosso jeito de agir com as pessoas foi pautado em transparência, coerência e empatia frente a todas às mudanças ocorridas nesse período, atribuindo os papéis e a importância de cada  um dentro desse novo cenário.

Primeiramente preservamos a integridade física e emocional de todos os nossos colaboradores e parceiros, fortalecendo os nossos valores de confiabilidade, competitividade, inovação e cooperação. Adotamos um discurso coerente com a nossa prática. Com isso, comprovamos que a nossa empresa consegue ficar ativa mesmo durante uma pandemia, nossos valores são o nosso alicerce e são amplamente adotados por todos os envolvidos.

Em resumo, com menos horas de trabalho, frente a todas as adversidades, todos os dias aprendemos a cuidar mais das pessoas, agir com mais simplicidade e efetividade e  buscar soluções competitivas e inovadoras.

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 10 =