Carreira com Propósito: você tem a sua?

As escolhas de carreira são, sem dúvida, uma das decisões mais importantes que tomamos ao longo de nossas vidas. Por isso, encontrarmos algo que nos traga realização profissional, emocional e financeira é tão complexo e tão prazeroso. E, se além disso, pudermos ajudar pessoas e causar um impacto positivo no mundo, melhor ainda! Está aí o caminho para uma carreira com propósito.

Uma carreira com propósito é aquela que se alinha com suas crenças pessoais e os seus valores. Ela é construída por um trabalho do qual você se orgulha, que dá sentido à sua vida, que tem significado para você e que afeta o mundo positivamente.

Trabalhar em algo que venha ao encontro dos seus valores faz com que você se sinta fortalecido, produtivo, dá direção à sua vida e traz sentimentos bons como satisfação, entusiasmo, paixão e felicidade. Alinhar valores pessoais e profissionais tende a trazer não só um melhor desempenho, mas também uma vida melhor.

Para construir uma carreira com propósito são necessárias algumas reflexões:

1º Passo: reconhecer o que é importante para você.
Quais são os seus valores? Do que você não abre mão? No que você acredita? Quais são os seus objetivos? O que o motiva? O que lhe gera paixão?

2ºPasso: descobrir no que você é bom.
Quais são seus pontos fortes? Quais são as suas competências? Quais os seus interesses profissionais? O que o desafia? Você busca um cargo, segurança financeira, uma chance de fazer a diferença ou um estilo de vida?

3º Passo: Agir.
Definir suas metas. Trabalhar em direção a elas. Se desenvolver continuamente. Avaliar o seu progresso constantemente.

Saiba quem você é

E tudo isso tem a ver com autoconhecimento. Saber quem você é, o que quer e o que está fazendo para alcançar seus desejos. Uma autoanálise contínua. Porque valores e crenças são mutáveis. Por serem pessoais e culturais, podem mudar conforme a fase do ciclo de vida em que você se encontra e do que está vivendo em determinado momento, e que influencia na sua percepção de importância.

Segundo pesquisa da Forbes, 91% dos profissionais mudaram seu propósito de vida durante a pandemia e 53% perderam o interesse pela atividade que desempenhavam antes do isolamento. Em 2021, 49% dos profissionais brasileiros, usuários da rede social LinkedIn, consideravam mudar de emprego em 2022. Porcentagem que subiu para 61% entre os profissionais mais jovens. Atividades que se encaixam com o propósito de vida é uma busca comum dos profissionais que participaram das pesquisas.

Não é mais sobre apenas ter um emprego, é sobre construir carreira. Os profissionais, agora, querem estar em espaços alinhados com os seus valores pessoais.

Estamos vivendo um novo modelo de trabalho, que evolui todo dia e onde nos permitimos passar por diferentes experiências, projetos e empresas, ao longo de nossa vida profissional. Porque o que se busca agora não é mais a estabilidade, e sim desafios e realizações. Uma nova âncora de carreira, no conceito de Edgar Schein. Estamos em busca de propósito.

Quer se manter alinhado aos seus valores e construir uma carreira com propósito?

  • Conheça-se! Olhe continuamente para você, descubra seus interesses, seus pontos fortes, suas competências, suas crenças e valores. Perceba suas mudanças de interesse.
  • Planeje! Mantenha seus objetivos em mente, mas alinhados aos seus interesses. Saiba identificar sempre o que você gosta em seu trabalho e sua área.
  • Aprenda! Identifique conhecimentos e habilidades que você não possui e que são necessários para o alcance dos seus objetivos.
  • Flexibilize-se!  Perceba os movimentos, os processos de mudança e as novas perspectivas para a sua área.
  • Conecte-se! Construa e nutra relacionamentos pessoais e profissionais que podem ajudá-lo a identificar novos interesses, novas habilidades e outras direções para sua carreira.
  • Mude! Esteja aberto a novas oportunidades sem deixar de seguir o que é importante para você. Mude de carreira ou de direção, mas continue seguindo o que você acredita.
  • Movimente-se! Aja. Vá na direção dos seus objetivos. Movimentos laterais ou mesmo um passo atrás também são válidos quando o levam de encontro aos seus interesses.

Regina Weber é psicóloga e consultora sênior da Light Source

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × cinco =